sexta-feira, dezembro 2, 2022

Kwanza pode terminar o ano a valer 453,93 ante ao dólar

Date:

O Kwanza poderá terminar este ano a valer 453,93 por cada dólar dos Estados Unidos,oque significa uma valorização de 26,4 por cento, comparando a média de 2021 com a deste ano.

Este indicador foi anunciado, ontem, aos mercados pelos analistas da consultora Fitch Solutions,para quem nos próximos três a seis meses, o Kwanza vai contrariar a valorização de 18 por cento observada desde Janeiro até agora.

A consultora Fitch Solutions anunciou, ontem, as mais recentes projecções em que a moeda nacional contrarie a tendência de apreciação face ao dólar e caia para 470 kwanzas por dólar até final do ano, desvalorizando-se mais 7,3 por cento no próximo ano.

“Antevemos que o kwanza deprecie, marginalmente, no resto do ano para 470,00 por cada um dólar, depois de ter-se valorizado em 2021 e até ao segundo trimestre de 2022”, escrevem os analistas da consultora.

Na nota de análise sobre a evolução do kwanza enviada aos investidores, citada pela Lusa, a Fitch Solutions escreve que “a curto prazo, o menor apetite dos investidores pelas moedas dos mercados emergentes vai levar a pressões para a depreciação”, pelo que a previsão aponta para que a moeda nacional caia 7,3 por cento em 2023, para uma média de 499 kwanzas por dólar, “essencialmente devido ao abrandamento dos preços internacionais e da produção interna de petróleo”.

“A previsão para o próximo ano aponta para uma desvalorização de 7,3 por cento, para uma média de 499 kwanzas por dólar, devido, essencialmente, à redução dos preços do petróleo em 4,8 por cento para uma média de 100 dólares por barril, e à queda da produção interna, que deverá registar uma descida de 3,5 por cento no próximo ano devido ao desinvestimento no sector petrolífero e ao esgotamento de alguns poços”, concluem os analistas.

Até ontem, de acordo com o câmbio do banco Nacional de Angola (BNA),o Kwanza estava 458,554 por cada dólar norte-americano e 448,878 em relação ao Euro.

O Comité de Política Monetária do BNA, na sua última reunião, de 26 de Setembro havia deliberado, pela redução da taxa básica de juro em meio ponto percentual, numa decisão que mantém o actual equilíbrio da moeda. É expectativa para a reunião de 25 de Novembro sobre a decisão a ser tomada, uma vez que o banco central acredita vir a fechar este ano (faltam dois meses) com uma inflação abaixo dos 18 por cento, contra as actuais 18,16 por cento.

       Angola cresce 4,0 por cento

A consultora Fitch Solutions melhorou, ontem, a estimativa de crescimento para Angola, subindo de 3,5 por cento para 4,0 por cento este ano, com a previsão, no entanto, de que a expansão económica abrande em 2023 para 1,8 por cento devido a dificuldades no sector petrolífero.

“Na Fitch Solutions, prevemos que o Produto Interno Bruto (PIB) de Angola cresça 4,0 por cento em 2022, face a uns estimados 0,6 por cento em 2021, o que evidencia uma revisão em alta face à projecção anterior de 3,5 por cento, feita para reflectir o crescimento no segundo trimestre, acima do esperado”, lê-se numa nota.

Para os analistas da Fitch Solutions, detida pelos mesmos donos da agência de notação financeira Fitch Ratings, a revisão do crescimento previsto para este ano está assente “numa conjugação de inflação menor e melhores condições monetárias, para além de ganhos no sector petrolífero, que vão acelerar o crescimento, de uma forma geral, este ano”.

Na nota enviada aos clientes, e a que a Lusa e o J A tiveram acesso, a Fitch Solutions aponta, no entanto, que a previsão para 2023 é de abrandamento, essencialmente devido aos “ventos contrários no sector petrolífero nacional”.

A Fitch é uma conceituada agência de avaliação de risco.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Popular

Publicações Relacionado
Relacionado

Angola Lança Relatório Especial do Sector Petrolífero na Angola Oil and Gas (AOG) 2022

O Ministério dos Recursos Minerais, Petróleos e Gás de Angola (MIREMPET) lançou o seu Relatório Especial sobre o Sector Petrolífero durante a cerimónia de abertura da Conferência e Exposição Angola Oil&Gas (AOG) 2022 (http://bit.ly/3UyBCpP) na terça-feira.

Isabel dos Santos vai concorrer à Presidência de Angola se a oportunidade surgir – “Procuraram manchar a minha reputação para venderem a UNITEL aos...

A empresária Isabel dos Santos disse que quer ser candidata à Presidência da República, "se a oportunidade surgir", porque Angola "precisa de um novo futuro político" e diz acreditar que "há muitas pessoas" que vão estar com ela nessa batalha.

Economia timorense está lentamente a recuperar

A economia de Timor-Leste está lentamente a recuperar, depois de uma recuperação de 2,9% em 2021, a economia está no caminho certo para crescer ainda mais 3,0% em 2022", refere o relatório, com o tema "Honrar o passado, garantir o futuro".

Sonangol dá início a construção do segundo Navio petroleiro

O arranque da construção do segundo navio foi formalizado no dia 28 deste mês, na cidade de Mokpo, Coreia do Sul, com a tradicional cerimónia de corte de aço referente ao casco 8021, segundo navio do projecto da tipologia Suezmax.