Terça-feira, Maio 28, 2024

Coreia do Sul e China pretendem manter exploração conjunta de gás natural

Date:

A Coreia do Sul procura manter uma forte parceria económica com a China, a fim de responder conjuntamente às incertezas globais na cadeia de suprimento por meio de intercâmbios sólidos e cooperação entre os seus governos centrais e locais, bem como suas empresas. 

A consolidação é esperada. Para o efeito, os governos da China e da Coreia do Sul assinaram um memorando de entendimento (MoU) para cooperação nos domínios da cadeia de suprimentos e da revitalização dos seus projectos conjuntos no exterior, incluindo o apoio à exploração conjunta de gás natural na bacia do Rovuma, província de Cabo Delgado, no norte de Moçambique.

O MoU foi assinado durante a 17ª Reunião Coreia-China sobre Cooperação Económica, realizada virtualmente entre o ministro das Finanças da Coreia do Sul, Choo Kyung-ho, e He Lifeng, o ministro encarregado da Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma da China. 

Os 2 países assinaram acordos para lançar e fortalecer 5 projectos de colaboração entre empresas chinesas e sul-coreanas em países terceiros, como é o caso do projecto de exploração de gás natural no campo Coral, na bacia do Rovuma, onde se estima existir uma reserva de 190 Bcf de gás natural. O campo Coral, que tem investimentos da estatal Korea Gas Corporation da Coreia do Sul e da petrolífera estatal chinesa China National Petroleum Corp, deve começar a produção gás natural em 2024. 

O consórcio responsável pelo projecto também integra a portuguesa Galp Energia SA e a petrolífera estatal moçambicana ENH, entre outros parceiros. Em Janeiro, o Instituto Nacional do Petróleo (INP) de Moçambique anunciou a chegada de uma plataforma flutuante de exploração e produção de gás natural liquefeito, fabricada na Coreia do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Popular

Publicações Relacionado
Relacionado

China e Noruega pretendem reforçar a cooperação parlamentar com Angola

A presidente da Assembleia Nacional, Carolina Cerqueira, recebeu, quarta-feira, em Luanda, em audiências separadas, os embaixadores da China, Zhang Bin, e da Noruega, Bjornar Dahl Hotvedt, com os quais abordou o plano de cooperação entre os parlamentos.

Proposta de Lei da Actividade Mineira Ilegal é aprovada amanhã

A Proposta de Lei sobre a Actividade Mineira Ilegal volta, amanhã, a ser debatida na Assembleia Nacional para a sua aprovação na especialidade, para que medidas sejam tomadas contra todos os tipos de crimes aos recursos mineirais existentes em Angola.

Mining eventos partilha os progressos das etapas da cadeia de valores na 3º edição do Valentine`s Diamond Show

A Bumbar Mining orgulhosamente apresenta a terceira edição do Valentine’s Diamond Show, no dia 23 de Fevereiro de 2024, pelas 18h a 22h30, no Hotel Diamante em Luanda, um evento que visa promover e destacar os avanços da indústria diamantífera angolana.

Ataque do grupo Codeco mata 46 pessoas na RDC

Um total de 46 pessoas morreu num ataque de um grupo rebelde, o Codeco, contra um campo de deslocados no Nordeste da República Democrática do Congo (RDC) em Junho passado, confirmou ontem a Human Rights Watch (HRW).