domingo, dezembro 4, 2022

Uso de rochas ornamentais na decoração segue como tendência

Date:

edição 2022 da Casa Cor Ceará segue até o dia 27 de novembro, mostrando ambientes produzidos pelos mais renomados profissionais de arquitetura, design de interiores e paisagismo cearenses. Em visita ao local da mostra, é possível perceber que as rochas ornamentais vêm ganhando cada vez mais espaço na decoração, seja em ambientes abertos, como saunas, piscinas e varandas, como em ambientes fechados, como salas, cozinhas, escadas, banheiros e quartos.

Peças únicas, elas unem beleza, exclusividade e sofisticação, dando personalidade aos ambientes. Sua versatilidade e variedade de cores e tipos permitem atender aos mais diversos gostos e estilos, sendo utilizadas inclusive sozinhas, como objetos decorativos, em painéis e peças de designer.

Além disso, são peças atemporais, com longevidade, que trazem a natureza para dentro do ambiente, tornando-o mais aconchegante, além de combinarem perfeitamente com outros materiais, como madeira e metais, por exemplo.

As arquitetas Christine Perez e Tassia Ferreira, da Tecer Arquitetura, assinam um dos ambientes da Casa Cor, a Casa Duraplik. O espaço permite a conexão com a natureza, trazendo a brasilidade em evidência, com muito artesanato e rochas ornamentais. “Gostamos muito de utilizar materiais naturais na arquitetura e as pedras são peças-chaves. Além de trazerem a sensação de aconchego, nós estamos trabalhando com o que é nosso. Muitas dessas pedras são encontradas aqui no Ceará e o nosso conceito é olhar para dentro, valorizando o regional e a sustentabilidade”, explica Tassia Ferreira. “Na maioria das vezes, optamos por utilizá-las no bruto, o mais natural possível. Para a Casa Cor escolhemos o Granito Alpha Mate, da empresa cearense Granos, fazendo cortes orgânicos, e isso deu um acabamento bem diferenciado e mais leve”, complementa a arquiteta.

O Brasil é valorizado pela diversidade de suas rochas, contando com mais de 1.200 tipos. E o Ceará é o terceiro estado brasileiro que mais exporta rochas ornamentais, sendo reconhecido mundialmente pelas suas rochas exóticas e super exóticas, especialmente as originárias do município de São Gonçalo do Amarante. Entre os maiores compradores estão os americanos, portugueses, italianos, chineses e franceses. “As rochas cearenses são as mais utilizadas atualmente na decoração e nos revestimentos de ambientes de luxo em todo o mundo. São rochas exclusivas, super exóticas e com uma durabilidade inigualável, não riscam e apresentam um polimento que se mantém por décadas. O Ceará é hoje o grande produtor e fornecedor da pedra natural para esses ambientes no mundo”, explica Carlos Rubens Alencar, presidente do Sindicato das Indústrias de Mármores e Granitos do Estado do Ceará (Simagran).

O principal item das exportações do Ceará são os quartzitos. “Taj Mahal e Perla Venata são os mais conhecidos e admirados no mundo e ambos são exclusivos do Ceará. Em relação aos limestones, fomos os pioneiros e detemos a supremacia no fornecimento para todo o Brasil e também para o mercado externo”, complementa o presidente do Simagran. O Sindicato está à frente da Fortaleza Brazil Stone Fair, feira internacional de rochas ornamentais que acontecerá no Ceará no início de novembro e promete movimentar o setor.

Fortaleza recebe feira internacional de rochas ornamentais

Será realizada no Centro de Eventos, entre os dias 9 e 11 de novembro, a Fortaleza Brazil Stone Fair (FBSF 2022), uma feira sobre rochas ornamentais que reunirá profissionais do Brasil e do mundo das áreas de arquitetura, construção civil, designers, decoração e interessados no assunto.

Valorizando os produtos naturais, em sua 6ª edição, a feira celebra os 100 anos da pedra natural brasileira. Grandes expositores já estão confirmados, entre eles Quatzblue, Vermont, RL Mármore, Letgran, Capixaba, JB Marmores e Granito, Gramaf, White Stone, LA Granitos, Gran Arts, JL Marmores, Pedra Cariri Dois Irmão, Sotreq, Mineração São Luiz, Granos e Imarf.

A Fortaleza Brazil Stone Fair é um momento oportuno para reuniões de negócios, troca de experiências, abertura de mercado, palestras técnicas e lançamentos de novos materiais e equipamentos. O evento é uma realização do Sindicato das Indústrias de Mármores e Granitos do Estado do Ceará (Simagran), com a parceria do IEL, Sesi, Senai, Fiec, CNI, Sebrae, apoio institucional do Ibro e promoção da Ikone.

Fonte: https://www.portalin.com.br/in-loco/uso-de-rochas-ornamentais-na-decoracao-segue-como-tendencia/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Popular

Publicações Relacionado
Relacionado

Angola Lança Relatório Especial do Sector Petrolífero na Angola Oil and Gas (AOG) 2022

O Ministério dos Recursos Minerais, Petróleos e Gás de Angola (MIREMPET) lançou o seu Relatório Especial sobre o Sector Petrolífero durante a cerimónia de abertura da Conferência e Exposição Angola Oil&Gas (AOG) 2022 (http://bit.ly/3UyBCpP) na terça-feira.

Isabel dos Santos vai concorrer à Presidência de Angola se a oportunidade surgir – “Procuraram manchar a minha reputação para venderem a UNITEL aos...

A empresária Isabel dos Santos disse que quer ser candidata à Presidência da República, "se a oportunidade surgir", porque Angola "precisa de um novo futuro político" e diz acreditar que "há muitas pessoas" que vão estar com ela nessa batalha.

Economia timorense está lentamente a recuperar

A economia de Timor-Leste está lentamente a recuperar, depois de uma recuperação de 2,9% em 2021, a economia está no caminho certo para crescer ainda mais 3,0% em 2022", refere o relatório, com o tema "Honrar o passado, garantir o futuro".

Sonangol dá início a construção do segundo Navio petroleiro

O arranque da construção do segundo navio foi formalizado no dia 28 deste mês, na cidade de Mokpo, Coreia do Sul, com a tradicional cerimónia de corte de aço referente ao casco 8021, segundo navio do projecto da tipologia Suezmax.