quarta-feira, dezembro 7, 2022

EUA Procuram Fortalecer os Padrões de Segurança para Operações de Petróleo e Gás Offshore

Date:

Numa tentativa de proteger o meio ambiente e a vida dos trabalhadores offshore dos desastres causados por derrames e explosões de petróleo, como o incidente Deepwater Horizon em 2010, que resultou em 11 mortes e derrame de quase 5 MMBBLS, durante um período de vários meses, o Departamento do Interior dos EUA (DOI), está a tomar medidas para reforçar os padrões de segurança referentes às operações de petróleo e gás offshore, propondo revisões à Regra de Controle de Poços de 2019.

De acordo com o DOI, o foco da nova regra de segurança proposta está na integridade do poço e prevenção de explosões para ajudar a proteger vidas humanas e o meio ambiente, incorporando a tecnologia mais recente e as lições aprendidas com a experiência do operador e os dados de incidentes desde que a regra actual foi adoptada. Além disso, as revisões começaram a ser discutidas depois que o Departamento do Interior concluiu a sua revisão da regra actual com base na Ordem Executiva 13990 emitida pelo Presidente Joe Biden, em Janeiro do ano passado, que enfatiza a Protecção da Saúde Pública e o Meio Ambiente, bem como o Investimento na Ciência para Enfrentar a Crise Climática.

A secretária do interior dos Estados Unidos, Deb Haaland, sublinhou que esta proposta de regulamentação ajudará a garantir que o desenvolvimento de energia offshore utilize a mais recente ciência e tecnologia para manter as pessoas seguras. À medida que os EUA transitam para uma economia de energia limpa, a nação deve se comprometer a fortalecer e modernizar os padrões e a supervisão das actividades petrolíferas desenvolvidas no offshore, devido ao alto grau de complexidade. 

Entre as mudanças consideradas pelo Departamento do Interior está a atribuição de poderes ao Bureau of Safety and Environmental Enforcement para credenciar empresas independentes para inspeccionar plataformas e equipamentos offshore. Outra medida em atenção é a exigência de que os preventores de explosão (BOPs) sejam sempre calibrados de forma a serem capazes de lidar com o fluxo máximo de gás de um poço.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Popular

Publicações Relacionado
Relacionado

Angola Lança Relatório Especial do Sector Petrolífero na Angola Oil and Gas (AOG) 2022

O Ministério dos Recursos Minerais, Petróleos e Gás de Angola (MIREMPET) lançou o seu Relatório Especial sobre o Sector Petrolífero durante a cerimónia de abertura da Conferência e Exposição Angola Oil&Gas (AOG) 2022 (http://bit.ly/3UyBCpP) na terça-feira.

Isabel dos Santos vai concorrer à Presidência de Angola se a oportunidade surgir – “Procuraram manchar a minha reputação para venderem a UNITEL aos...

A empresária Isabel dos Santos disse que quer ser candidata à Presidência da República, "se a oportunidade surgir", porque Angola "precisa de um novo futuro político" e diz acreditar que "há muitas pessoas" que vão estar com ela nessa batalha.

Economia timorense está lentamente a recuperar

A economia de Timor-Leste está lentamente a recuperar, depois de uma recuperação de 2,9% em 2021, a economia está no caminho certo para crescer ainda mais 3,0% em 2022", refere o relatório, com o tema "Honrar o passado, garantir o futuro".

Sonangol dá início a construção do segundo Navio petroleiro

O arranque da construção do segundo navio foi formalizado no dia 28 deste mês, na cidade de Mokpo, Coreia do Sul, com a tradicional cerimónia de corte de aço referente ao casco 8021, segundo navio do projecto da tipologia Suezmax.