Segunda-feira, Março 4, 2024

China disponível a continuar a formar militares angolanos

Date:

O facto foi dado a conhecer no momento de acreditação do adido da Defesa e adido adjunto da Embaixada de Angola na China, respectivamente, os coronéis Francisco Manuel Adão e José Paulo de Jesus Pires.

Na cerimónia realizada no Gabinete de Cooperação dos Assuntos Militares e presidida pelo seu director adjunto, o tenente-general Zang Baiqun disse haver necessidade de formar os militares angolanos nos diferentes ramos, destacando a linha de montagem de camiões militares, a construção de armazéns e material aeronáutico, e outros projectos que se encontram paralisalisados por força da Covid-19.

O coronel Francisco Manuel Adão, chefe da Chancelaria Militar, retribuiu o gesto do anfitrião com agradecimentos. O representante chinês fez-se presente com Liu Kay, vice-director do sector Oeste da Ásia, e de Bo Shuang, director do Centro Exterior do Gabinete de Cooperação dos Assuntos Militares.

A major Rosaberty do Carmo Katchiva integrou a delegação angolana no acto de acreditação.

Fonte: https://www.jornaldeangola.ao/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_imgspot_img

Popular

Publicações Relacionado
Relacionado

Seresto Dog Collar Large – Seresto Online Store

The pesticide Imidacloprid is an active component in Seresto....

Mining eventos partilha os progressos das etapas da cadeia de valores na 3º edição do Valentine`s Diamond Show

A Bumbar Mining orgulhosamente apresenta a terceira edição do Valentine’s Diamond Show, no dia 23 de Fevereiro de 2024, pelas 18h a 22h30, no Hotel Diamante em Luanda, um evento que visa promover e destacar os avanços da indústria diamantífera angolana.

Ataque do grupo Codeco mata 46 pessoas na RDC

Um total de 46 pessoas morreu num ataque de um grupo rebelde, o Codeco, contra um campo de deslocados no Nordeste da República Democrática do Congo (RDC) em Junho passado, confirmou ontem a Human Rights Watch (HRW).

Cabo Verde está a trabalhar na recuperação de empresas

A ministra da Justiça de Cabo Verde, Joana Rosa, avançou, esta segunda-feira, na cidade da Praia, que o Governo está a trabalhar no processo de insolvência, no código de recuperação de empresas e nas medidas de acções visando dar uma nova vida à economia do país.